quarta-feira, 10 de março de 2010

Léo representando a raça brasileira no futebol por aqui

A galera quer saber do futebol do Léo, então, aí vai:

Ele joga no YMCA (aquele da música dos muito macho) é a famosa Associação Cristã de Moços. Por aqui é bem legal, é como se fosse um clube esportivo ou uma academia de natação e musculação. Muitas crianças, cujos pais trabalham o dia todo, vão para lá depois da escola, eles tem uma espécie de escolinha para crianças.

O Léo se inscreveu na escolinha de futebol. Eles formaram times mistos por idade, treinam e fazem campeonato com outros YMCAs. O time do Léo é "Gladiator"! Ele tem treinos 2ªs e 4ªs e jogos em um desses dias e sábados pela manhã. As fotos e filmes foram tiradas sábado passado, o jogo foi as 8:30 da manhã.

Assim, nesses dias a maratona é maior, pois tenho que buscar o Léo, esperar 1h para buscar a Vicky, voltar para casa, deixar a Vicky (e a Vó Marli) e voltar para perto da escola do Léo, onde é o futebol. Aí, espero 1h até o treino terminar e voltamos para casa - o detalhe é que nossa casa é 25min da escola. Em todo caso, é legal vê-lo empolgado com o time e realizando o sonho de jogar "pra valer".

video

O técnico é ótimo, acho que é técnico mesmo - é que a coisa funciona na base de algum pai que se disponha a ser o técnico, afinal é tudo muito informal, só para as crianças se divertirem e jogar um pouco num time, vestindo uniforme e tendo a experiência de jogar com público, juiz apitando e tudo mais. O Léo deu sorte porque o técnico é pai de um colega de time - ele adora o "coach".

video
Esse é o video "good job Leo" (bom trabalho Leo). Aquele pontinho de um lado para o outro é ele, e aqui ele faz um gol. O técnico diz "good job, Leo!". Aliás ele é o artilheiro, todo mundo já conhece o "Liiiô".
Eu estava parada olhando - é que no primeiro jogo ele pediu para eu ficar quietinha, sem ficar torcendo e gritando - como todas as mães americanas, aí umas meninas me perguntaram se eu era mãe do "Liiiô", elas disseram que elas disseram "he is very good!"
O futebol tem sido uma boa chance de fazer amigos, esse é o Jess, ele é bom no futebol, o parceiro dele no ataque - o pai dele é brasileiro, a mãe tem uns 2m de altura.


Depois do jogo, cada dia um pai traz o "snack" - nesse dia era donuts e gatorade, nada mal para repor as energias.

4 comentários:

  1. Que bom isso...Faz muito bem! Assim ele faz mais amigos, brinca e se diverte e ainda faz uns lanchinhos,rsr...beijos e que ele faça muitos gols!!!chica

    ResponderExcluir
  2. good job sweety!!!!
    pena que a gente nao pode ver um jogo, mas quando tu estiver na escolinha do gremio a gente vai la torcer por ti!
    sabe que a vo marli me levava pro sinodal de TL pintado de laranja?? primeiro eu tinha vergonha, mas depois tive orgulho da minha mae que nao tinha vergonha de nada e nao devia nada para niguem. aproveita e compra uns stikers bem show para personalizar o carango!
    beijos,
    mona

    ResponderExcluir
  3. ÓÓÓhh!!! Gudi djob, Leo!!!! Muito bem... Tem que mostrar teu sangue de brasileiro bom de bola...
    Muito legal, que nem nos filmes, o campo com a grama bem bonita, todo mundo de uniforme direitinho... E as pessoa falanu in ingrêis. Quase me enganei, pensei que era futebol americano...
    Mil beijos,
    Nana

    ResponderExcluir
  4. CADÊ O BLOG DA VICKY?????
    cadÊÊÊ?????
    Falem para ela que a gente está sentindo falta!!!!
    beijos,
    Nana

    ResponderExcluir